Postagem Observatório

Rio de Janeiro registra queda de 34% em latrocínios

Data da publicação:

Dados do Instituto de Segurança Pública (ISP) do Rio de Janeiro apontam que houve queda de 34% dos latrocínios no estado, comparando os seis primeiros meses de 2018 com o mesmo período de 2019. Com relação aos homicídios dolosos, houve queda de 23%, ou 608 mortes a menos no mesmo período.

O estado também registrou recuo no número policiais mortos, de 15 para 7. Foram 63% a menos do que no primeiro semestre de 2018. Por outro lado, nos seis primeiros meses do ano foi registrado aumento de 15% nas mortes por intervenção de agentes do Estado, passando de 769, em 2018, para 881 neste ano. 

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, voltou a classificar os criminosos do Rio de terroristas que agem ao redor do mundo. ?Não se combate o terrorismo com flores. Se combate com investigação, com armas de mesmo calibre e com um processo rigoroso. Se não se entregar, serão mortos. O recado está dado, não enfrente a polícia?, disse Witzel, na apresentação sobre as mudanças na área da segurança pública do estado, que teve como tema ?180 dias: Começamos a Mudar o Jogo na Segurança?.

No período, o estado registrou o menor número de roubos de veículos dos últimos 34 meses. A redução ficou em 24%, saindo de 28.488 para 21.635. A queda nos roubos de carga atingiu 21%. Eram 5.036 no primeiro semestre de 2018 contra 3.999 este ano. 

Quanto ao número de roubos em coletivos, na comparação entre os primeiros seis meses de 2019 e de 2018 houve alta de 14,3%. Este ano foram 8.761, enquanto no ano passado 7.665 casos.

Por Cristina Indio do Brasil - Repórter da Agência Brasil