Postagem Observatório

"Tudo pode acontecer", diz Bolsonaro sobre Mercosul

Data da publicação:

O presidente Jair Bolsonaro disse ontem (25) esperar que os acertos feitos pelo governo da Argentina, no âmbito do Mercosul, sejam mantidos pelo presidente eleito do país, Alberto Fernández, que toma posse em dezembro. 

"Tudo pode acontecer na vida da gente, né. A gente espera que o q foi acertado com o [Maurício] Macri, a parte econômica, continue com o [novo] presidente da Argentina. Nada contra o povo, nada contra o governo, queremos respeito aos contratos", disse Bolsonaro a jornalistas, ao chegar ao Palácio do Alvorada, residência oficial em Brasília, no final da tarde. 

Em entrevista ao jornal Valor Econômico, publicada nesta segunda-feira, o ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo disse que um dos cenários pode ser uma eventual saída do Brasil do Mercosul. Esse cenário, no entanto, não seria o plano A do governo.

No Palácio do Planalto, o porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, disse que a prioridade do governo é lutar pelo livre comércio e cumprir o programa econômico que elegeu Bolsonaro. 

Por Pedro Rafael Vilela - Repórter da Agência Brasil